unguentos para peles secas

Publicado por: Marlene Vinha a 19 de Nov 2019

É incrível como a minha pele variou em termos de tipo, estados e necessidades, ao longo dos últimos anos. Neste momento tende para a mista e desidratada, sensível e com apontamentos de rosácea. Vou partilhando o que uso convosco e existe um tipo de creme que, mesmo não tendo a  pele seca, de momento, não dispenso. Eu chamo-lhes de unguentos, porque associo a sua textura a uma pasta tipo emplastro, que serve para barrar a pele. 

E porque gosto deste género de cremes? Porque adoro a textura macia e generosa, que se dá muito bem para a auto-massagem, e porque acordo ainda com a pele resplandecente. Este tipo de textura não aporta necessariamente algo mais que um creme mais leve,  mas há um conforto inegável que a minha pele aprecia neste tipo de densidade, e que não encontra em versões mais ligeiras.

Assim, fiz um apanhado dos vários cremes que se enquadram nesta tipologia de produto, sendo que uns uso na cara toda, enquanto que outros uso apenas pontualmente em zonas de maior secura como lábios, cantos do nariz e cantinhos dos olhos.  Começando pelos potes, que digamos ser a pior forma de apresentar este tipo de cremes (porque já sabeis que dedos e manápulas dentro de potes, não será a melhor forma de conservar o produto), temos:

Lumene [Balance] Harmonia Nutri-Recharging Skin Saviour Balm

Esta marca nórdica, vegan e cruelty free, tem umas coisas catitas, mas esta pomada chamou-se a atenção, desde já, pelo nome. Normalmente, este tipo de produtos que se apresentam com as  características que enunciei atrás, assumem-se como multi-funcionais para todas as áreas  mais secas do corpo, nomeadamente cutículas, cotovelos, pés e joelhos. Digo-vos digo que se não fossem caros, me barraria inteira nele mas, costumo ser  mais ponderada nas áreas onde é aplicado. No caso deste produto, aplicava no rosto  e pescoço, com massagem e, não só respeitava a minha pele sensível como acordava com a pele saciada. De salientar que conta na sua composição com óleos bons de amêndoas doces, de girassol, manteiga de karité, entre outros. Nada contra óleos minerais, mas nutro um fraquinho por cremes honestos e bem formulados, de acordo com o nível de preços, como é o caso.

Charlotte Tilbury Magic Night Cream

Lutei para não comprar este creme, pois além de ser caro, os ingredientes não correspondem àquilo que seria de esperar para este patamar de preços. Mais, olhando para a formulação, ainda menor deveria ser a vontade de o comprar. Só que acontece que experimentei uma amostra e a minha pele adorou! Tem uma consistência pegajosa e pesada, que cobre a pele tipo banha, e de manhã, a pele está incrível. Radiante, hidratada e confortável. Não acredito que tenha capacidade de refirmar ou tratar sinais de idade, como reclama fazer mas, a favor do facto de satisfazer as necessidades da minha pele, não tenho outros argumentos.

Eight Hour Cream Nightime Miracle Moisturizer

Este creme é um derivado do famoso tubo eight hour cream, que é banha pura, e este, é algo semelhante mas mais "espalhável". Também gostei muitíssimo desta versão já que, no seguimento das anteriores, é altamente emoliente. Tem lanolina, óleo mineral, ceras, manteiga de karité entre outras coisas. Bom para a pele do rosto, pescoço, lábios e mãos!

ren Evercalm Overnight Recovery Balm

De todos desta leva, é o único específico para peles sensíveis, ainda que, na verdade, não achei que tivesse ajudado grande coisa nesse quesito. De qualquer forma, temos na mesma um unguento daqueles mesmo maravilhoso, mas que não prende tanto na aplicação, o que faz com que seja excelente para massajar. 

Ponto negativo, para todos os produtos? Virem em pote, o que os obriga ao contacto com o ar e à contaminação inevitável. Por isso, isto foi a última vez que tive tanta coisa aberta para o mesmo fim.

Passemos agora à mesma tipologia de cremes mas em bisnaga que, vale o que vale, na hora de salvaguardar a formulação:

Lancôme Nutrix-nourishing and repairing treatment rich cream(* via sweetcare)

A formulação conta com óleo mineral, cera de abelha, lanolina, e está destinada a nutrir, suavizar e dar conforto à pele. A embalagem é gigante e adoro, de paixão, este creme. É mais leve que o dos potes anteriores, mas muito generoso, cheira bem e deixa a pele elástica e nutrida. Aplico localmente ou no rosto todo, de manhã ou à noite, principalmente em fases de secura mais acentuada, aquando da aplicação de retinol, por exemplo.

Lanolips Lano Allover skin salve

Apresenta-se como super hidratante e protector para pele extremamente seca, rugosa e comprometida. Na composição temos Lanolina, mel de Manuka e vitamina E. É bastante forte e espesso, e principalmente no inverso, torna-se difícil de espalhar. Por isso, há que recorrer ao truque que a marca sugere de aquecer produto nas mãos ou entre os dedos, antes de aplicar. Uso quase sempre apenas nos lábios e é muito bom, mas para o rosto inteiro, acho demasiado pesado.

Pier Augé délicate

Este creme foi o primeiro desta tipologia que usei em toda a minha vida, já lá vão uns 20 anos, e que me fez perceber o quanto gosto de besuntices.É um best-seller da marca desde 1961, e completamente justificado, a meu ver. É para as peles sensíveis, fragilizadas e secas e funciona como um verdadeiro escudo contras as agressões exteriores, como muito frio ou vento. É maravilhoso para aplicar no rosto todo em em zonas mais pontuais. Já perdi as vezes que o recomprei e permanece como favorito dentre cremes deste género.

Weleda skin food

Aqui na versão de 30ml, porque anda comigo para todo o lado, é um creme que já uso há alguns anos (sobre o qual podem rever post aqui).  Contém vários tipos de óleos, como amêndoas e girassol, conta também com lanolina, glicerina e cera de abelha. Pode ser usado no rosto todo (e no contexto de trabalho, no cenário de uma pele mesmo muito seca, uso) mas em mim gosto de o aplicar nas zonas estratégicas, já  apontadas. A textura é mais lustrosa e menos manteiga, mas nem por isso menos capaz de tratar qualquer zona seca ou rugosa que lhe seja posta à prova.  


Comentários
Disclaimer

Todos os produtos mencionados neste blog são comprados por nós. As ofertas são identificadas com um (*) e merecem da nossa parte (no caso de apreciações) a mais sincera opinião, tal como todos os outros.

Possuímos um sistema de afiliados com a loja online Skin.pt e com a sweetcare.pt, por isso, colocamos links a apontar para produtos à venda nas mesmas.

Os links para produtos colocados nos posts, são apenas indicativos. Sugerimos aos nossos leitores uma pesquisa prévia em diferentes pontos e plataformas de venda, de maneira a garantir compras informadas.

Não fazemos posts patrocinados (publiposts) e, como tal, nenhum dos conteúdos apresentados neste blog é pago. Assim, reservamos a zona lateral esquerda para banners, publicidade paga, acções e passatempos a decorrer no blog, e o rodapé a parcerias.

Os conteúdos visuais e escritos são da nossa autoria. Os conteúdos cedidos/citados serão identificados com o autor e/ou fonte dos mesmos.

SweetCare - Saúde, Beleza e Cosmética

Diff Hair Designers