E sai mais uma rotina diurna de beleza...

Publicado por: Marlene Vinha a 17 de Mar 2015

Em meados de Novembro encetei a rotina de beleza que aqui vos mostro e que, três meses depois e após o seu término, já me legitima dizer duas ou três coisas sobre os produtos que dela fizeram parte. Tenho, no entanto, que abrir aqui um parênteses porque em Janeiro fui acometida por uma grave crise alérgica (ácaros, humidade, tapetes e o raio, tudo à mistura) que me afastou da minha adorada rotina e me levou a depender, quase exclusivamente, de anti-histamínicos e do meu "mui" amado Physiogel (se tivesse que atribuir alguma distinção a um produto de 2104, seria a este, sem dúvida).

Mas voltemos ao que aqui me trouxe, que é partilhar as coisinhas boas (e outras que nem por isso) que compuseram a minha rotina matutina que se inicia, como sempre, pela limpeza da pele. Para o efeito, tenho usado a água micelar da Àvene, produto sem o qual já não consigo viver e que foi uma agradável surpresa já que me permitiu dar algum descanso à da Bioderma (a pessoa farta-se muito rápido das coisas) e constatar que é uma alternativa muito digna, já que limpa de forma eficaz e é suave com a pele. A parte da limpeza de manhã fica rematada com um borrifo de água termal da La Roche Posay, e pela passagem de um algodão.

O passo seguinte é (tentar) descongestionar a zona periocular, que cada vez acorda mais inchada, e conto para isso com o Flash Défatigant Regard da Dior e com o seu aplicador em paládio, já apresentado aqui, e sem o qual já não consigo iniciar o meu dia. Adoro a sensação fresquinha logo de manhã e do facto de funcionar como pré-tratamento do creme de olhos que aplico posteriormente.

Logo em seguida, aplico este sérum hidratante da Avène (produto que mantive mesmo na crise alérgica) do qual, apesar de reconhecer que se trata de um produto simpático para peles jovens e na casa dos 20, para mim mostrou-se notoriamente insuficiente e não me deixou impressionada. É demasiado leve para as minhas necessidades de hidratação, sendo que por vezes aplicava duas e três vezes e, mesmo assim, a sensação de repuxamento não ficava minimizada. Averiguei que conta com álcool e perfume na sua composição, coisas que, como sabemos, podem não ser bem toleradas por pele sensível, apesar de a minha não ser ter queixado.

O que nos leva a um segundo produto que aplico apenas na zona da rosácea que, se bem se lembram, me deixou neste estado há exactamente um ano. A lição foi aprendida e agora tenho que ter sempre presente um produto que isole essa zona de tudo o que lhe ponha em cima. Tenho contado para o efeito com o Sedax da Noreva, um produto dermoprotector que garante uma acção calmante e hidratante. É indicado para aliviar o prurido em caso de picadas, alergias e irritações. Gostei de o usar e, apesar de achar que em caso de emergência, a acção não seja imediata e eficaz (como acontece com o Physiogel), acho que para manutenção e para manter a rosácea em rédea curta, funciona muito bem.

O creme de pescoço e decote B.Lift, já foi apresentado aqui e estamos na presença de coisa da boa. Tenho andado a aplicá-lo de forma racionada e apenas de manhã, em movimentos ascendentes e do queixo para fora. Esta emulsão é bastante fluida, nada pegajosa e conta com uma acção antienvelhecimento, específica para a zona já que, segundo a marca, tem na sua composição "Hexapéptido B (com efeito tensor de superfície que se manifesta num aumento de tónus), ao qual se associa a elevada acção hidratante e emoliente que reforçam a barreira cutânea da pele. O produto tem ainda um efeito regenerador e reafirmante devido à presença de extractos de soja que estimulam a síntese de colagénio e elastina. Graças à presença do filtro solar protege e previne dos danos causados pela radiação solar." Não noto nada de diferente na zona, para dizer a verdade, mas acredito piamente que é daqueles produtos que num futuro não muito longínquo, vou dar graças tê-lo incorporado na minha rotina. 

Depois, dou uns minutinhos para tudo o que pus "assentar", aproveito para me vestir, lavar os dentes e pentear o cabelo e volto para a segunda fase de tratamento.

Assim, para creme de olhos, contei este Forever Youth Liberator da Yves Saint Laurent (*), aplicado com alisamentos. Não sei se lembram que já o tinha testado num tamanho diminuto sendo que agora, depois de vários meses de uso (e mais, porque ainda não terminou), já posso opinar mais qualquer coisita sobre este. Ora bem, este creme traz acoplada a promessa de refrescar e relaxar a zona periocular, com acção anti-papos e olheiras, bem como providenciar o efeito óptico de reflectir a luz, sendo que o efeito é de que as rugas são alisadas. Aliado ao facto de ser um creme-gel, resolvi aplicá-lo apenas de manhã.

Gostei da textura leve e considero-o uma excelente base de maquilhagem, já que não pesa nem esfarela. No entanto, tenho a apontar duas ou três coisas que não me agradam neste produto, nomeadamente o facto de conter silicones (anda a ser difícil encontrar um que não tenha, e em grande quantidade), álcool e poucos ingredientes que de facto tratam a zona periocular. Por isso, uso apenas de manhã, com a consciência de que age numa espécie de trompe l’oeil da cosmética, no qual o olho parece de facto alisado mas que na realidade está preenchido com silicones e a reflectir luz, para enaltecer o efeito.

Para além disto (e não apenas sobre este creme em particular) agrada-me cada vez menos ter frascos deste género, onde além de enfiar as patorras (tenho sempre espátulas à mão, que quase nunca uso, é facto) para retirar ao produto, tenho conhecimento de que, composições delicadas como esta, também não beneficiam do contacto com ar e afins. Posto isto, a demanda do creme de olhos continua e se me quiserem deixar sugestões das boas, eu agradeço.

Depois, andei a usar produtos da REN, marca “mui” afamada por essa blogosfera fora, na qual só agora me estrei. A REN é uma marca que usa apenas activos minerais e de plantas na sua composição e tem uma abordagem "natural" da beleza (ou assim o professa). Para quem gosta de enveredar por esse campo na área da cosmética, é uma marca a espreitar já que tem uma panóplia extensa de produtos livres de óleo mineral, sulfatos, parabenos e afins.

Da minha rotina fez parte este Ultra Moisture Day Cream para pele secas, aka Moisture Recharge Comfort-Plus Day Cream, que se assume como ideal para hidratar a pele seca com uma fórmula suave, que não pesa, e que o torna ideal para usar pela manhã já que contém uma data de bons ingredientes emolientes (toleráveis pelas peles sensíveis) e óleos bons, como o de camélia. Gostei do creme e achei uma opção boa para integrar a minha rotina matinal apesar de que, mesmo pensando o facto de este inverno ter sido especialmente exigente, sentia muitas vezes necessidade de reforçar a hidratação ao longo do dia com uma água hidratante.

Para rematar, aquilo que nunca, jamais em caso algum, pode faltar numa rotina seja de que idade e tipo/estado de pele for: o protector solar. Para esse feito, andei e ando a usar este Cicabio Soothing Repairing Care SPF 50+ da Bioderma. A linha Cicabio é indicada para peles irritadas e frequentemente assoladas por coceiras e comichõezinhas, cujos ingredientes emolientes ajudam a reparar a barreira da pele deteriorada, muitas vezes, pela reactividade ou irritações na pele. Como tal, pareceu-me uma boa opção para usar na altura que a minha pele andou descontrolada, sendo que pela fórmula emoliente, acabou por acompanhar-me nas restantes semanas. Tem um spf alto, que me agrada de sobremaneira, e cor verde sem qualquer poder de cobertura, mesmo que não seja essa a usa ambição. Penso eu!

Apesar de gostar da fórmula rica e confortável, revela-se algo incompatível com a maquilhagem. Nada que um pouco de paciência e pó não resolvessem, mas fica a ressalva.

A quem interessar, convido a aparecer por cá amanhã, pois irei partilhar a rotina de noite!


Comentários
Disclaimer

Todos os produtos mencionados neste blog são comprados por nós. As ofertas são identificadas com um (*) e merecem da nossa parte (no caso de apreciações) a mais sincera opinião, tal como todos os outros.

Possuímos um sistema de afiliados com a loja online Skin.pt e com a sweetcare.pt, por isso, colocamos links a apontar para produtos à venda nas mesmas.

Os links para produtos colocados nos posts, são apenas indicativos. Sugerimos aos nossos leitores uma pesquisa prévia em diferentes pontos e plataformas de venda, de maneira a garantir compras informadas.

Não fazemos posts patrocinados (publiposts) e, como tal, nenhum dos conteúdos apresentados neste blog é pago. Assim, reservamos a zona lateral esquerda para banners, publicidade paga, acções e passatempos a decorrer no blog, e o rodapé a parcerias.

Os conteúdos visuais e escritos são da nossa autoria. Os conteúdos cedidos/citados serão identificados com o autor e/ou fonte dos mesmos.

SweetCare - Saúde, Beleza e Cosmética

Diff Hair Designers