Bela adormecida

Publicado por: Marlene Vinha a 23 de Apr 2013


Fonte: wap.tecnologia.uol.com.br 

Dizem que os 30 são os novos 20. É um facto. Eu sinto isso! Aliás, gosto mais de mim agora, que aos 20. No entanto, se há coisas que melhoram com a idade, outras, nem por isso.

E uma dessas coisas, é a pele. Apesar de já não ter acne (thank god), uma das coisas que mais noto pela manhã, é que acordo com mais olheiras e mais marcas na pele. Se aos 20, passados cinco minutos de acordar e com uma esfregadela, ela voltava ao normal, agora, convivo com o embaraço de, após duas horas de acordar, ainda ter os vincos que atestam isso mesmo. E não, infelizmente, não estou a exagerar. 

Foi assim, que resolvi procurar solução para este facto, pois se pensarem no que a pele sofre apenas numa noite, amassada numa almofada durante horas a fio, imaginem durante a nossa vida inteira (se for verdade que passamos um terço da nossa vida a dormir, mais coisa menos coisa).

Pesquisei sobre o tema e deparei-me com uma solução bem exquisite: uma almofada de seda. Encomendei duas, e fiquei um pouco decepcionada, porque só metade dela tinha seda, e a outra era em tecido de algodão comum. E para aquelas noites em que se amassa a almofada numa bola, como é que faço? Hum, senhores designers de almofadas de seda?!

Fonte: silkkisspillows.blogspot.pt

Bem, já durmo na dita cuja há uns meses, e a verdade é que, apesar de mais ténues, ainda acordo com uns vincos. A solução passaria por dormir de papo para o ar...mas não me aguento assim muito tempo. Ao fim dos primeiros minutos nessa posição, começo a virar, a virar e pronto, de manhã estou complemente afundada na almofada.

Já não me lembro em que site comprei as minhas, mas numa rápida pesquisa, verifiquei que estão à venda na amazon, no site sleep n' beauty ou no Snoww Blossom, ou há sempre a possibilidade de darmos uso à máquina de costura da mãe e, fazermos umas!

Dizem que o tecido é mais fresco e se mantém assim mais tempo, que são mais hipoalergénicas e resistentes ao pó. Que são menos absorventes, logo, qualquer tratamento que se coloque à noite no rosto ou cabelo, não será absorvido pela almofada, e estará a fazer efeito durante mais tempo. Sim, porque também trazem vantagens para o cabelo, pois as esfregadelas que fazemos com a cabeça durante a noite num tecido áspero, pode torná-lo mais seco e quebradiço. 

Às vezes, volto a dormir em almofadas de tecido "normal", seja algodão, flanela ou polar e, admito que depois de experimentar estas, a pele do meu rosto tornou-se "exquisita"!


Comentários
Disclaimer

Todos os produtos mencionados neste blog são comprados por nós. As ofertas são identificadas com um (*) e merecem da nossa parte (no caso de apreciações) a mais sincera opinião, tal como todos os outros.

Possuímos um sistema de afiliados com a loja online Skin.pt e com a sweetcare.pt, por isso, colocamos links a apontar para produtos à venda nas mesmas.

Os links para produtos colocados nos posts, são apenas indicativos. Sugerimos aos nossos leitores uma pesquisa prévia em diferentes pontos e plataformas de venda, de maneira a garantir compras informadas.

Não fazemos posts patrocinados (publiposts) e, como tal, nenhum dos conteúdos apresentados neste blog é pago. Assim, reservamos a zona lateral esquerda para banners, publicidade paga, acções e passatempos a decorrer no blog, e o rodapé a parcerias.

Os conteúdos visuais e escritos são da nossa autoria. Os conteúdos cedidos/citados serão identificados com o autor e/ou fonte dos mesmos.

SweetCare - Saúde, Beleza e Cosmética

Diff Hair Designers